Deale Laticinios
Deale Laticinio

Notícias Deale

  • 02/10/2019

    Da nossa família para a sua: Deale Latícinios investe no setor primário para garantir ainda mais qualidade no produto final entregue ao consumidor

    Com foco em manter um produto com excelência e confiabilidade, a LATÍCINIOS DEALE criou o QUALIDADE MÓVEL, que consiste em um veículo com aparelhagem e equipe profissional composta por médicos veterinários e zootecnistas especializados para dar suporte técnico e prático aos produtores da região onde atua. Planejado para garantir a segurança alimentar e saúde de seus consumidores, os resultados já começaram a aparecer também possibilitando reciclagem e atualização dos produtores em relação ao futuro do seu negócio.



    A empresa, além de investir em frota própria para visitar as propriedades, também trabalha em parceria com fornecedores de equipamentos e treinamento dos técnicos para repassarem seus conhecimentos ao produtor. Após as visitas, o vínculo se mantém de forma contínua com análises ambulatoriais para avaliação constante dos resultados que poderão garantir a qualidade dos seus produtos, assim como a recorrente atualização dos produtores.


    “As normativas em relação à produção de laticínio estão cada vez mais rígidas e rigorosas na cadeia de produção, para garantir ao consumidor um produto com qualidade total para seu consumo sem qualquer tipo de risco à saúde”, enfatiza o presidente da Deale, Alexandre dos Santos, ao ressaltar a importância do QUALIDADE MÓVEL como ferramenta de apoio em busca de garantias para o produto final.


    Na LATÍCINIOS DEALE entende-se que é preciso dedicação especial ao setor primário, logo que é desta esfera que se extrai a matéria prima que abastece a indústria. Sem fazer distinção entre os produtores que coletem muito ou pouco, a DEALE entende que cabe às empresas do setor, se atualizarem, e principalmente, darem apoio setorial onde a produção se inicia.


    Segundo presidente da LATICÍNIOS DEALE, Alexandre dos Santos, não há empreendimento sustentável que se desenvolva sozinho, pois os produtores precisam do apoio de grandes empresas para poderem manter seu sustento e garantirem a continuidade de suas origens. “A DEALE cresceu com o apoio e trabalho destes produtores e agora estamos juntos novamente nesse desafio para que eles cresçam e sigam em frente, pois o que parece pouco para o mercado, representa muito para essas famílias”, comenta Santos, ao destacar a importância da parceria entre os setores.



    Também na linha de contato direto com os produtores e seguir com empreendorismo no mercado, a DEALE participou novamente da EXPOAGAS. A 38ª edição da feira aconteceu no mês de agosto, firmando-se como uma das maiores exposições do setor na América Latina.


    Com mais de 48 mil visitantes em três dias de evento, a LATÍCINIOS DEALE contou com um estande de mais de 40m², onde pode apresentar seus produtos para supermercadistas e público em geral, sendo reconhecida formalmente pela parceria e participação em mais um ano da feira, que promoveu também palestras, cursos e seminários.